Consideramos que a transparência, a segurança e a responsabilidade social constituem factores fundamentais para a sustentabilidade da indústria do jogo online no mercado interno. Por isso, desde 2004 que recolhemos todos os dados e estudos a que temos acesso.

Sugerimos algumas medidas que nos parecem essenciais no combate ao jogo compulsivo e que se sustentam em quatro pilares fundamentais:

1 – Estudar; 2 – Educar; 3 – Verificar; 4 – Tratar.

1 – Elaboração de estudos em prestigiadas universidades, em cooperação com operadores e reguladores, recorrendo às bases de registos dos jogos na internet para estudar com precisão os comportamentos e os hábitos dos jogadores. Os resultados destes estudos podem proporcionar uma base empírica à comunidade científica internacional na área da investigação em comportamentos de dependência

2 – Campanhas maciças de educação, através de diversos canais de comunicação, com o objectivo de chegar efectivamente a toda a população, de maneira que esta possa perceber que existe uma verdadeira politica Europeia em relação ao jogo e que as condições para um exercício responsável da actividade estão dadas.

3 – Criação de observatórios do jogo que alertem e informem os consumidores sobre as práticas de cada operador poderá ser um incentivo para a implementação de boas práticas nos seus sítios de jogo em linha. A diferenciação positiva, em relação a uma concorrência pouco ética, poderá traduzir-se num capital de confiança junto dos jogadores.

4 – Criação de redes de assistência para jogadores compulsivos, começando pelos centros que já estão a trabalhar no tratamento das ludopatias. Esses centros deverão funcionar sobre uma plataforma tecnológica adequada que permita o intercâmbio de experiências, a actualização de conhecimentos e a colaboração mútua.

DOCUMENTO...   Documento disponível

Resposta enviada para a CE

AS NOSSAS CAMPANHAS

..
CONTRIBUTO DO JOGO RESPONSÁVEL ENVIADO PARA A COMISSÃO EUROPEIA
PETIÇÃO PARA O RESTABELECIMENTO DO CONTROLO NO ACESSO ÀS SALAS DE JOGO
CAMPANHA DE PREVENÇÃO DO JOGO PROBLEMÁTICO
PRIMEIRA CAMPANHA DE JOGO RESPONSÁVEL EM PORTUGAL