Campanha junto dos frequentadores do Casino de Lisboa, em 19 de Junho de 2007.

.

NÃO QUEREMOS QUE O JOGO SE TRANSFORME NUM GRAVE PROBLEMA DE SAÚDE PÚBLICA. NÃO SE ESQUEÇA QUE “É APENAS UM JOGO”.

.

CONHECER O JOGO

Em Portugal todos os anos aumenta o número de indivíduos a praticar jogos de azar: jogam jogos de casino, compram bilhetes de lotaria, apostam em acontecimentos desportivos, tentam a sua sorte no bingo ou jogam outros jogos de azar.

Embora a maior parte dos jogos de azar não prejudique ninguém, algumas pessoas torna-se “dependentes”, da mesma forma que outras pessoas se tornam “dependentes do álcool.

Em virtude de não conseguirem cessar as apostas, tais indivíduos perdem frequentemente todo o seu dinheiro e arruínam as suas relações com a família e os amigos.

A prática responsável de jogos de azar é uma forma de jogar com muito poucas possibilidades de perder o controlo. O segredo do jogo responsável consiste em compreender que “É apenas um jogo”.

.SUGESTÕES PARA A PRÁTICA DE JOGO RESPONSÁVEL

Apesar dos praticantes de jogo responsável poderem ter sorte de vez em quando, a longo prazo acabarão por perder dinheiro. Eles sabem que é assim que os jogos funcionam.

Os praticantes de jojo responsável consideram os jogos de azar como uma forma de diversão, e não como uma forma de fazer dinheiro. Para eles, uma pequena perda equivale ao custo de um bilhete de cinema ou de uma conta de restaurante.

Os praticantes de jogo responsável seguem as seguintes sugestões:
 

♦ Decidir antecipadamente quanto ao limite de dinheiro a perder e restringir-se a tal decisão

♦ Nunca pedir dinheiro emprestado para praticar jogos de azr

♦ Fixar um limite de tempo

♦ Fazer pausas com frequência

♦ Equilibrar os jogos de azar com outras actividades

♦ Praticar jogos de azar somente com dinheiro reservado para distracções e nunca com dinheiro destinado a  despesas diárias

♦ Nunca praticar jogos de azar quando se encontrar bastante tenso, deprimido ou de alguma forma perturbado

QUANDO O JOGO SE TRANSFORMA EM PROBLEMA

Os praticantes de jogos de azar que enfrentam problemas perdem a noção de que se trata apenas de jogos e podem começar a considerar tal prática como uma forma de fazer dinheiro.

É com frequência que pensam que possuem algum talento ou sorte especiais.

Quando perdem dinheiro, têm tendência a “perseguir” as perdas que sofreram apostando ainda mais para recuperarem o dinheiro perdido.

O resultado é um ciclo vicioso do aumento de perdas e apostas.

Eis alguns sinais para quem os jogos de azar poderão constituir um problema:
.

♦ Despender cada vez mais tempo a praticar jogos de azar

♦ Preocupar-se com jogos de azar

♦ Despender cada vez mais dinheiro

♦ Perseguir” as perdas sofridas

♦ Pedir dinheiro emprestado para praticar jogos de azar

♦ Aumento de dívidas devido aos jogos de azar

♦ Envolver-se em fraudes ou furtos para financiar a prática de jogos de azar

♦ Mentir para encobrir a prática de jogos de azar

♦ Negligenciar o emprego, a família e os amigos

♦ Praticar jogos de azar para escapar às obrigações ou às pressões da vida quotidiana

 

AS NOSSAS CAMPANHAS

..
CONTRIBUTO DO JOGO RESPONSÁVEL ENVIADO PARA A COMISSÃO EUROPEIA
PETIÇÃO PARA O RESTABELECIMENTO DO CONTROLO NO ACESSO ÀS SALAS DE JOGO
CAMPANHA DE PREVENÇÃO DO JOGO PROBLEMÁTICO
PRIMEIRA CAMPANHA DE JOGO RESPONSÁVEL EM PORTUGAL